O Exercício Experimental da Liberdade

Publicação que se centrou na questão transversal às práticas artísticas do século XX, e que pode sintetizar-se na interrogação quanto à visibilidade da arte, em sentido amplo, face às contingência das práticas disciplinares

O Exercício Experimental da Liberdade

Publicação que se centrou na questão transversal às práticas artísticas do século XX, e que pode sintetizar-se na interrogação quanto à visibilidade da arte, em sentido amplo, face às contingência das práticas disciplinares

Preço
18,90 €

Preço de Amigo
€ 17,01
Quantidade

Ser Amigo faz a diferença. Junte-se a nós!

Nesta obra, Delfim Sardo reflete sobre as vanguardas do século XX e a morte anunciada das disciplinas artísticas.

Questionando a premissa utópica de uma emancipação da arte relativamente à representação, o autor aborda algumas das questões vitais colocadas pela arte contemporânea: quando os cânones artísticos já não fazem sentido porque a autoridade estética colapsou com o final do sistema das Belas-Artes, que base nos permite continuar a produzir juízos sobre as obras de arte? 

Como é que, num contexto em que as convenções artísticas estão em constante mutação, jogamos o enorme e fascinante jogo de confiança que é a arte?

Um livro fundamental para artistas, estudantes e amadores de arte.

PL013420

Ficha informativa

Medidas
15,4 x 20,8 cm
ISBN
9789898327826
Editor
Órfeu Negro
Autor
Delfim Sardo
Idioma
Português
Capa
Mole
Ano
2017
Páginas
384

Também pode gostar